Rio dos Cedros passa a realizar Teste da Linguinha na UBS

 

O Teste da Linguinha é obrigatório pela Lei 13.002 de 20 de junho de 2014 em todos as maternidades e hospitais do Brasil. Entretanto, nem todas essas instituições se adequaram ainda à lei.

Para quem desconhece, o teste é rápido e indolor, e tem o objetivo de identificar se o bebê tem a língua presa. Caso seja detectada essa alteração, ele é encaminhado para um pequeno corte no frênulo (freio) lingual, evitando assim dificuldades na amamentação e no desenvolvimento da fala. Por isso, o ideal é que o exame seja realizado nos primeiros dias de vida do bebê.

É frequente as mamães se acharem culpadas quando o bebê não consegue mamar adequadamente. O que elas não sabem, é que muitas vezes o problema é que o bebê tem a língua presa e com isso não consegue fazer o movimento de sucção necessário para retirar o leite do peito da mãe. Porém, bebê com alteração de frênulo de língua não deixa de mamar, apenas apresenta dificuldade na amamentação. Por isso, a importância de realizar o teste.

Em função da ausência de maternidade no município de Rio dos Cedros, a avaliação está sendo realizada na Unidade de Saúde do Centro, pela a fonoaudióloga Vanessa Melere, que recentemente fez o Curso do Teste da Linguinha em Curitiba com a fonoaudióloga Roberta Martinelli, criadora do teste.

Para poder realizar o teste, o bebê tem que ter no máximo 15 dias de vida. O agendamento é realizado por telefone ou às terças feiras no período vespertino, com a própria fonoaudióloga.

                Se o seu filho tiver mais que 15 dias mas você desconfia que ele possa ter alteração do frênulo da língua, não deixe de procurar orientação.

               

 

Este edital possui conteúdo protegido pela LGPD, para obter acesso abra uma requisição aqui